Escotismo em São Paulo

A UEB-SP tem sua criação em 14 de novembro de 1950 e a sede regional está localizada no centro da cidade de São Paulo, na Rua Coronel Xavier de Toledo, 316.

Atualmente somos quase 23 mil escoteiros presentes em 117 municipios do estado que reúnem 311 grupos escoteiros.

Nos últimos 3 anos, nosso efetivo de jovens cresceu cerca de 19% e nos adultos houve aumento de 14,5% de associados.

De acordo com o censo de 2015, registramos 6.787 lobinhos e lobinhas, 6.883 escoteiros e escoteiras, 2.659 seniores e guias, 1.004 pioneiros e pioneiras, e 5.327 adultos voluntarios.

A Região Escoteira de São Paulo conta com 3 centros escoteiros onde são realizados cursos e palestras, acampamentos e encontros.

O CEJ Centro Escoteiro Jaraguá no Parque Estadual do Jaraguá, CEI Centro Escoteiro Ipanema na região de Sorocaba e o CECT Centro Escoteiro de Ciencia e Tecnologia no Parque CienTec da USP.

Escotismo nos municipios de SP

Escritório Regional São Paulo

Em São Paulo surge em 1914 a primeira entidade escoteira de caráter nacional: a “Associação Brasileira de Escotismo (A.B.E), tendo como mentores Mário Sérgio Cardim, Júlio Mesquita e Olavo Bilac. Foi Mario Cardim que selecionou, dentre várias opções, a denominação “Escoteiro” e o lema “Sempre Alerta” traduzidos dos termos originais em inglês “Boy Scout” e “Be Prepared” respectivamente. Sob o comando de Mario Cardim a A.B.E se desenvolveu de forma rápida, irradiando para outros estados o movimento escoteiro.

No início da década de 1920 Rodolfo Malempré liderou a organização das diversas iniciativas de escotismo em São Paulo com a fundação da "Boy Scouts Paulistas" em 23 de setembro de 1923 com a ajuda do monsenhor Francisco Bastos, fundam-se novos núcleos, na maioria ligados à paroquias:

Consolação / São João Batista/ Santa Generosa (depois Guarany) / S. Antonio do Pari (depois Goytacazes)/ Saúde/ Freguesia do Ó (depois Tupy) / Santo Agostinho (depois Aymorés) / Nossa Senhora Auxiliadora (depois Guaycurus) / Campinas / Santos / Descalvado/ Carajás / Tamoyos.

Durante a década de 1930 sob a presidência do Sr. Armando Lorena a Associação instala sua sede central na Rua São Bento, em um imóvel cedido pelo Conde de Lara.

Em 1932 durante Revolução Constitucionalista os Pioneiros (Rover-Scouts) atuam nas frentes de batalha e hospitais de sangue, em colaboração com a Cruz Vermelha. A bravura, heroísmo e eficiência dos mesmos merecem os mais altos elogios da sociedade, inclusive internacionais e do próprio fundador, Lord Baden-Powell.


Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens